quinta-feira, 14 de outubro de 2010

LIGA GAÚCHA DE FUTEBOL DE MESA

CARLOS MÁRIO "TRANQUEIRA" É O NOVO CAMPEÃO ESTADUAL SÊNIOR

APÓS DOIS LONGOS ANOS DE SUPREMACIA DO BOTONISTA DA SOC. POLÔNIA RICARDO DA SILVA BODUR, CARLOS MÁRIO PEREIRA DA SILVA, O TRANQUEIRA, MORADOR DA ZONA SUL DE PORTO ALEGRE E ATLETA DO YPIRANGA F.C., CONQUISTA O CAMPEONATO ESTADUAL SÊNIOR (PARA ATLETAS COM IDADE SUPERIOR À 50 ANOS). NA GRANDE FINAL DERROTOU POR 1X0 CLÁUDIO MASTRANGHELLO COELHO, ATLETA DO GRÊMIO NAÚTICO UNIÃO. O CERTAME FOI DISPUTADO NAS DEPENDÊNCIAS DO SEST/SENAT EM PORTO ALEGRE.

DE PÉ: ÊNIO SEIBERT (YPIRANGA F.C.), GUANAIR CARVALHO (YPIRANGA F.C.), LUIS FERNANDO SCHERER (LIGA ESTEIENSE), CLÁUDIO MASTRANGHELLO (G.N.U.), E O CAMPEÃO CARLOS (YPIRANGA F.C.). AGACHADOS: JÚLIO CÉZAR COSTA (LIGA ESTEIENSE), PAULO ROBERTO SILVEIRA (A.A.B. DE NOVO HAMBURGO) E JOSÉ VITOR PERRONI (G.N.U.)

Classificação Final
Campeão: Carlos Mario
Vice campeão: Claudio Coelho
3º colocado: Luiz Fernando Scherer
4º colocado: Guanair Carvalho

5º colocado: Enio Seibert
6º colocado: Julio Costa
7º colocado: Paulo Silveira
8º colocado: José Vitor Perroni

PARABÉNS À TODOS PARTICIPANTES, E LEMBRANDO QUE NESTE SÁBADO DIA 16 DE OUTUBRO OCORREM AS DISPUTAS PELO TÍTULO DO ESTADUAL INDIVIDUAL CATEGORIA LIVRE, TAMBÉM NO SEST/SENAT NO BAIRRO HUMAITÁ EM PORTO ALEGRE.

10 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Campeonato Estadual 2010 - Individual: VERGONHA!

    Há 2 instrumentos e 1 fator fundamentais
    para que uma competição -que se pretende
    altamente qualificada- tenha um bom início,
    uma boa sequência e um bom final: a regra,
    o regulamento e o bom senso.

    1) A falha em relação à regra

    Quanto à regra, 2 coisas são dever de uma
    Liga: a ampla divulgação de seus artigos e,
    quando for o caso, de suas atualizações, e,
    a exposição dela durante competições oficiais.
    Ontem, durante a competição, havia jogadores
    com dúvidas muito simples sobre a regra, o que
    mostra um pouco de desinteresse dele por tentar
    saber sobre ela antes do campeonato, mas aponta
    para o fato de que ela não tem a divulgação que
    deveria.

    2) A falha em relação ao regulamento

    "O regulamento foi feito e aprovado para ser
    cumprido", repetiam, incansavelmente, o ilustre
    "presidente" da Liga, Everson, e seu cavaleiro
    e fiel escudeiro, Elói. Sim, é um fato. Sem
    regulamentos, não há como se praticar qualquer
    atividade coletiva, do contrário, que meios
    seriam utilizados pelos praticantes para que
    fizessem valer as suas vontades, a força? Não,
    os regulamentos são primordiais. O que eles não
    são -e aí há um problema de visão de quem os
    faz ou os aprova- é infalíveis. Dificilmente,
    consegue-se elaborar um regulamento à prova de
    falhas. Nenhum regulamento é tão abrangente que
    englobe, em seu âmbito, todas as situações que
    podem ocorrer em uma atividade coletiva. Eis o
    motivo pelo qual se fazem importantes as
    comissões que organizam e dirigem competições:
    atuar em prol delas, buscando o que é melhor
    para os participantes, sem ferir o objetivo dos
    certames, mas corrigindo eventuais equívocos ou
    excessos do seu regulamento. Ontem, no que diz
    respeito à atuação frente a um problema ligado
    ao regulamento, errou a comissão, pois se omitiu
    e, com isso, prejudicou a sequência da
    competição, pois sua omissão acabou por mudar,
    no mínimo, a metade dos confrontos que deveriam
    ter ocorrido a partir da 2ª fase. Errou, pois
    não quis paralisar, por pelo menos 10 minutos,
    o campeonato, para buscar uma solução para um
    problema relativamente fácil de ser sanado e
    que, fora sim, gerado também por ela. Repito o
    que disse ontem: um regulamento não pode ser
    mantido, mesmo que, teoricamente em favor da
    competição, se ele prejudica agudamente a algum
    dos participantes que sequer estão envolvidos
    no problema em questão. Eu, e outros jogadores,
    não poderíamos ter sido prejudicados da forma
    como fomos, devido a um problema que a comissão
    teve oportunidade de sanar e não o fez por pura
    falta de competência, por preferir se omitir a
    enfrentar de frente uma situação inusitada.
    Aliás, deixo meu protesto em face disto também:
    esse artigo que prevê a reversão de todos os
    pontos de um atleta que perde por wo por
    ausência ou atraso, é absurdo e é inaceitável o
    fato de não se perceber isso durante a
    formulação do regulamento. Não se pode, pelo bem
    do esporte, seja ele qual for, simplesmente,
    mudar o que foi realizado, principalmente, se o
    motivo não for grave, como não é grave um atraso
    de 1 ou 2 minutos. Por favor! Aprovar um
    regulamento com um artigo como este é assinar
    atestado de incompetência e falta absoluta de
    boa vontade para elaborar um melhor.

    continua...

    ResponderExcluir
  7. 3) A falha (a mais grotesca): a falta de bom senso.

    Tudo, em um campeonato de futebol de mesa com
    64 participantes, pode tomar uma direção que
    não a esperada e dar errado, tudo: menos faltar
    bom senso. Sem o bom senso, as decisões não são
    democráticas e, portanto, não favorecem a todos
    (o que é quase impossível), mas também não
    favorecem a maioria, o que é inadmssível. Obter
    unanimidade é utopia, mas abrangência é simples.
    Não fazer uso do bom senso para encontrar uma
    solução adequada para uma divergência, é mais
    grave do que não prever que ela vai surgir; não
    se pautar pelo bom senso para ser dirigente de
    uma atividade coletiva como um campeonato
    estadual que busca, ainda, sua afirmação e o
    respeito, inclusive de seus participantes, é
    um equívoco que tira o brilho e a força da
    competição inicialmente proposta. E foi o que,
    ontem, durante o Estadual 2010, aconteceu.

    Nada, tira, porém, o mérito daqueles que
    seguiram no certame e, por jogarem bem,
    atingiram seus objetivos. Os vencedores
    premiados e os vencedores em participação,
    aqueles que são o motivo-fim da realização
    do campeonato, estão de parabéns. Seus
    louros não podem ser apagados por erros
    extra-mesa. Infelizmente, para o futebol
    de mesa da regra gaúcha, houve quatro
    perdedores em uma competição que deveria
    terminar com 100% de vencedores: o Buda,
    punido, severamente, por se atrasar por 1
    ou 2 minutos (já sei: "tá no regulamento!";
    eu, que fui punido sem motivo e jogado do
    1º para o 3º lugar por força de um muito
    mal elaborado regulamento e pela total falta
    de competência e bom senso de quem deveria
    defender-me como participante; a competição,
    que teve a sua sequência alterada em seu
    decorrer e a própria imagem da Liga, que fica
    com a responsabilidade pelo fracasso em ser
    o que se esperava dela: a liderança pelo
    movimento de crescimento e ampla divulgação
    da regra gaúcha. Sem seriedade, as pessoas
    conhecem a regra, mas acabam se afastando,
    pois o que todos querem no futebol de mesa
    é se divertir e fazer amigos. Só isso. E foi,
    também aí que o bom senso fez falta: se
    preocuparam em demasia com o regulamento e
    deixaram de lado o que todos querem com o botão.

    Falharam e falharam feio, mas...

    Que venham eleições (sérias) para a Liga; que
    pessoas com boa vontade tenham oportunidade de
    manifestar interesse em integrá-la e não sejam
    pré-vetadas com aqueles comentários que todos
    que jogam há muito tempo já conhecem "quem é
    fulaninho pra ser presidente da Liga?", "Bah,
    esse cara de presidente da Liga seria o fim!".
    Chega disso. Tem muita gente boa e com
    capacidade no meio. Falta chance e falta
    respeito; sobram bobagens e blá blá blá. Isso é
    despeito.

    Boa sorte pra todos nós em 2011, com uma Liga
    renovada e com mais participação de TODOS os
    botonistas nas decisões que envolvem, não apenas
    a comissão, mas TODOS os aficcionados pelo
    botão e pela regra gaúcha.

    Saudações Rubro-Negras!

    Armando Montano Neto.
    17 de outubro de 2010 08:26

    ResponderExcluir
  8. Meias verdades e analises erradas!!
    Como diria Jack, vamos por partes!
    1º - Armando como tu retornaste a pouco deveria no mínimo tomar conhecimento dos processos e procedimentos da LIGA antes de falar e divulgar coisas erradas e mentirosas;
    2º - Durante um bom tempo reclamaram justamente pq em varias questões a DIRTETORIA DA LIGA procurava usar de BOM SENSO, só que usar de bom senso em questões de regulamentos, regras, normas ou códigos é um baita erro, contraditório, abre precedentes perigosos, sem falar que o que pode ser bom senso pra um pode não ser para outro e assim por diante.
    3º - Se for para analisar e usar de bom senso não se faz necessários regulamentos, códigos e normas, a cada caso reuni-se a comissão e se julga.
    4º - Quanto a ter culhões, é que pra ti Armando não foi feito como TU queria, quanto
    resolver os ERROS que na tua falta de conhecimento e ignorância ocorreram, não procede, pois erro seria não cumprir o que estava e esta estabelecido. Outro fato para teu misero conhecimento da LIGA, para ALTERAR O REGULAMENTO DE COMPETIÇÕES É PRECISO UMA A. G., pois é previsto no ESTATUTO, não disse pra ti reclamar na A. G. disse que só em uma A. G. para ALTERAR.
    , mas até entendo a tua posição, pois como muitos, tu ainda é um daqueles que gosta das coisas nas coxas, onde redigir, analisar, aprovar e FAZER CUMPRIR é apenas um detalhe, DIGA-SE ISSO É BEM COISINHA DE BRASILEIRO MESMO O JEITINHO.
    5º - Jamais te diria para se quer te candidatar para presidência da LIGA, quanto mais mudar algo neste contexto, pois nem o presidente tem autoridade pra isso.
    6º - Pra completar tu arrumou um ADVOGADO que aqui escreve baseado nas (TUAS VERDADES), só pra resumir Diego, cumprimos o que estava estabelecido e diga-se, ao contrario do que fala e divulga o Armando, todas as regras, normas e regulamentos são enviadas aos capitães/representantes de equipes para que estes venham a divulgar, analisar, sugerir, aprovar dentro do seu núcleo e posteriormente em reunião juntamente com a diretoria e os outros capitães/representantes aprovam ou reprovam, lembrando que a diretoria NÃO VOTA. Toma cuidado quando for assumir uma posição em um fato ser ter a ciência total dos fatos Diego.

    ResponderExcluir
  9. 7º - Mais uma vez tu mostra teu total desconhecimento sobre ESTATUTO, REGRAS, NORMAS, CODIGOS, PROCESSOS E PROCEDIMENTOS DA LIGA:
    A- Armando conforme prevê nosso ESTATUTO FOI DIVULGADO E EDITAL A CONVOCAÇÃO PARA ELEIÇÃO.
    B- Foi fixado no mural do bazar um Xerox amplificado do mesmo.
    C- Ao longo do ano em TODAS AS COMPETIÇÕES DA LIGA comuniquei informalmente que teríamos eleições no final do ano, para o pessoal que tivesse interesse se programasse para montar a chapa e enviar suas propostas.
    D- Mais um desconhecimento teu, marcamos a eleição para o mesmo dia do estadual por equipes pq é o evento da LIGA onde reunimos o maior nº de filiados, não atrapalharia em nada o andamento da competição pq a cada rodada uma equipe estaria de folga podendo assim votar sem prejuízo algo de tempo e organização, Armando isso chama-se de ORGANIZAÇÃO, PLANEJAMENTO E O DESEJO QUE O MAIOR Nº POSSIVEL DE BOTONISTAS VIESSEM A DECIDIR O DESTINO DA LIGA.
    E- Durante o ano varias vezes fui questionado se iria continuar e já havia decidido que não iria, tanto que fui convidado a continuar ou ainda integrar a próxima diretoria.

    ResponderExcluir
  10. 8º - Armando sou brasileiro mas não gosto de JEITINHOS, pra mim 1,2 ou 1h é atraso e ponto, pois o que EU analiso não é o quanto de atraso, mas sim quem CUMPRIU PARA COM O HORARIO, pois isso é sinal de respeito para quem ESTA CORRETO, outro detalhe, pequeno, de 64 botonistas 1, digo apenas 1 chegou ATRASADO, sendo que frisei diversas vezes que seria cumprido RIGOROSAMENTE O HORARIO de retorno, mas um pequeno detalhe, eu sai para almoçar devido a precisar ficar presente na reunião do conselho de justiça/disciplina as 14:00 tendo que retornar as 14:30, enquanto quase todos tiveram o período das 12:45 até as 14:30, é pouco tempo?
    9º - Quando tu diz BOM SENSO, pensa onde fica o respeito com quem cumpriu o horário e que 63 dos 64 botonistas estavam no horário.
    10º - Como é do teu costume e de conhecimento de muitos, sempre tem uma desculpa para derrotas ou desclassificações, é uma pena, pois eu te conheço há muito, mas muito tempo e tu não mudastes paciência.
    11º - Agora ao contrario de ti, tenho conhecimento das normas, regras, regulamentos, códigos e estatuto, tanto que na forma que me cabe fiz a representação de todos os fatos.
    12º - Por fim, o Clovis ainda procura colaboradores, procura ele e te candidata, coloca a cara na janela depois vem falar de culhões, de ser machão vamos ver, vai lá quero ver, tenho algo comigo, se não tenho nada de positivo pra falar, fico quieto, quando critico procuro levar uma sugestão. Detalhe, me dei ao trabalho de esclarecimentos não por ti, mas sim para que outros ADVOGADOS sem ciência total dos fatos não tentem fazer a tua defesa com meias verdades e distorcidas ainda.

    ResponderExcluir